Clipes ruins é que são bons!

10 de abril de 2010

Quando eu era criança pequena lá em Barbacena Ipatinga, não existiam discotecas como hoje, ou mesmo casas de dança. Eu não sei dizer o porque disso, só sei que elas não existiam. Para suprir as necessidades dancísticas da garotada existiam os clubes, que nada mais era do que clubes mesmo (aqueles com piscina) que durante a noite se transformavam em discotecas improvisadas porém bastante decentes, com luzes, telão, globos, drogas e tudo mais.

Ali quando compareci algumas vezes, pude ver nos telões alguns clipes fantásticos que ficaram na minha cabeça por muitos anos, devido a “alta tecnologia” empregada na sua execução e desenvoltura de alguns dançarinos.
Eu sempre voltei para casa frustrado por nunca ter aprendido a dançar nem mesmo a Macarena, e também por não pegar nenhuma menina. E eu nem usava óculos ainda…eu acho. Mas sempre voltava imaginando como aquelas cenas incríveis iam parar nos videoclipes. Cara, aqueles fantásticos filminhos musicados me ajudavam mesmo a superar a frustração de não ter perdido a virgindade boquiniana, sim porque a outra que me lembre, naquela época nem no sonho.

Daí os anos passaram, a vida fez a sua parte, e veio a internet. E a internet trouxe com ela a possibilidade de rever alguns destes videoclipes que adocicaram a minha vida noturna (até as 19:30) juvenil e me deliciar novamente com estas pequenas obras de arte.

Continue lendo »


Piores clipes do mundo 1: “Bolsinha verde”

12 de julho de 2009

Sabe estas músicas que você gosta, escuta todo dia mas nem sabe o nome? Pois, uma das minhas preferidas é "Little Green Bag" que por muito tempo eu chamei de resdog.mp3…explico:

Escutei a música pela primeira vez em 1998 quando vi o filme Cães de Aluguel ou Reservoir Dogs em Inglês do Quentin Tarantino, recomendo inclusive pois é ótimo.
Já deu pra sacar né, Reservoir Dogs que reduzido ficou o resdog.mp3 da minha coleção.

Fato é que nunca consegui descobrir o nome da música (pura preguiça mesmo de procurar) mas hoje mexendo num destes programinhas que descobrem a música que está tocando, fiquei sabendo que o seu nome era “Little Green Bag” ou em uma tradução literal “Bolsinha Verde”.
Bem dançante e com uma letra curiosa que remete ao uso da maconha (você achou que tinha o que na bolsinha?), a música me contagiou desde a primeira vez que a escutei (viciou entende?) e visitando o Youtube descobri que havia um clipe da bendita, e foi ai que a coisa desandou.

O que posso dizer é que independente das limitações técnicas este é o pior clipe que já vi na minha vida. Juro por Deus, quero morrer seco se existir um aberração maior do que esta no mundo dos videoclipes.

Resumindo seria o seguinte:

Continue lendo »

%d blogueiros gostam disto: