Patetas do trânsito

Hoje mais cedo fui surpreendido por um maldito motorista brincado de carro nas ruas do meu bairro. Numa total falta de respeito pela vida (dele inclusive) o otário quase causou um sério acidente envolvendo dois carros e eu, simplesmente porque deveria estar com pressa.

Pude passar ao lado dele e constatar infelizmente que se tratava de alguém de minha convivência, um amigo de um dos meus cunhados que sempre se encontra conosco nos churrasquinhos de fim de semana promovidos na casa de minha sogra.

O que mais me chama a atenção é que o cara é muito gente boa, e certamente seu comportamento atrás do volante não condiz com suas atitudes nos momentos em que me encontrei com ele anteriormente.

Este incidente me fez lembrar de um antigo filme do Pateta, aquele personagem do Walt Disney meio homem e meio cachorro onde ele interpreta como é o comportamento de um motorista dentro e fora do carro. Um clássico que envelheceu muito bem, continuando 100% atual nos dias de hoje infelizmente.

Confiram:

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: